Início | Efemérides
Tamanho de letra normal Aumentar o tamanho de letra Diminuir o tamanho de letra
Pesquisa de Efemérides
Pesquisa geral
Dia
Mês
Ano
Ordenar por
 
[limpar dados]


Nº de registos : 1311 ( 1001 até 1021 )
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66

21/12/1911

É desta data o alvará do Governo Civil do Distrito de Portalegre, que aprova, com duas alterações, os novos Estatutos do Asilo do Espírito Santo de Castelo de Vide, que passa a denominar-se "Asilo Almeida Sarzedas".

[+ info]
28/1/1912

Suspendeu a sua publicação o periódico “O Castelovidense" (1ª série), de Castelo de Vide, propriedade de Manuel António Casaca e de que fora redactor principal o viticastrense Dr. João Luís de Carvalho Cordeiro.

[+ info]
2/2/1912

Neste dia, sexta-feira, celebrou-se na Igreja da Senhora dos Remédios, a festa da Purificação de Nossa Senhora. Foi pregador o Padre Severino Dinis Porto, tendo tomado parte na festividade a Banda Dr. Frederico Laranjo.


3/2/1912

Na sua casa da Rua Almeida Sarzedas (Rua do Marmelo) faleceu às 11 horas António das Dores Grincho.

[+ info]
6/2/1912

É desta data o alvará que aprova os estatutos para o Asilo de Cegos de Nossa Senhora da Esperança. Por estes estatutos, que nunca foram aceites,  a instituição passaria a denominar-se de Sequeira Sameiro, nome do seu instituidor.

[+ info]
11/3/1912

Começa a funcionar em Castelo de Vide uma aula nocturna, a primeira, para os trabalhadores rurais.

[+ info]
5/8/1912

Abre neste dia ao público a sucursal da Caixa Económica Portuguesa de Castelo de Vide.

[+ info]
31/10/1912

Nasce em Viseu o Dr. Mário Tomás da Costa Roque. Oriundo, como seus pais, daquela cidade da Beira Alta, ficou muito ligado a Castelo de Vide pelo casamento com Maria Luísa de Gusmão Le-Cocq da Costa Roque.

[+ info]
16/12/1912

Na Sociedade de Ciências Médicas de Lisboa realiza-se uma sessão solene de homenagem ao insigne castelovidense Dr. José António Serrano, alta figura da medicina portuguesa.

[+ info]
7/3/1913

Filho do Professor José Tomás Gordo e de Maria Helena Serrano Gordo, nasce neste dia em Castelo de Vide José Agapito Serrano Gordo. Em 7 de Julho de 1936 licencia-se em Veterinária na Escola de Medicina Veterinária de Lisboa, sendo no mesmo ano, a 30 de Setembro, nomeado Veterinário Municipal em Castelo de Vide .

[+ info]
9/4/1913

Celebra-se nesta data, em Portalegre, o casamento de António Vicente Raposo Repenicado com Maria Ester da Conceição Cassola, ele natural da freguesia de Santa Maria da Devesa de Castelo de Vide e ela de Portalegre.

[+ info]
10/6/1913

A banda da Sociedade Filarmónica União Artística de Castelo de Vide que fora a Lisboa a convite do Município da Capital, é vítima de um miserável atentado dinamitista na rua do Carmo quando desfilava no cortejo de homenagem a Camões.

[+ info]
12/6/1913

Morre no Hospital de S. José, em Lisboa, Valdemiro Augusto Pinto, músico da Filarmónica União Artística de Castelo de Vide, que no dia 10 desse mês fora uma das vítimas do infame atentado dinamitista contra o cortejo de homenagem a Camões perpetuado na Rua Nova do Carmo, em Lisboa.


10/8/1913

Organiza-se o Gabinete de Propaganda Regional de Castelo de Vide, que ficou constituído por João António Gordo, presidente; Manuel Marcos Canário, secretário; Mateus da Cruz Maniés, tesoureiro; Francisco Maria Beliz e Miguel dos Santos Soares, vogais.


24/8/1913

Pelo Gabinete de Propaganda Regional de Castelo de Vide é dirigido um manifesto ao público sobre a necessidade de se criar na vila uma corporação de bombeiros, abrindo logo para esse fim uma subscrição.


16/9/1913

Castelo de Vide recebe as tropas em manobras duma das Escolas de Repetição que a República instituira e nos primeiros tempos do regime funcionaram.

[+ info]
5/10/1913

Inicia a publicação o periódico local “O Povo”. Director, editor e proprietário, Francisco Borges Tristão. “Quinzenário, Republicano, defensor dos interesses locais”, Redacção e Administração na Rua Almeida Sarzedas (Rua do Marmelo) em Castelo de Vide.

[+ info]
20/11/1913

Em Póvoa de Rio de Moinhos, concelho de Castelo Branco, nasce o cónego Albano da Costa Vaz Pinto, filho de Francisco da Costa Vaz e de Joaquina Roberto Amaro. Ordenado padre em 23 de Agosto de 1936, foi pároco de Castelo de Vide cerca de 27 anos, onde entrou em 3 de Outubro de 1948.

[+ info]
28/11/1913

O então Ministro do Fomento, António Maria da Silva, aprova o programa e caderno de encargos da conclusão do caminho-de-ferro de Estremoz a Castelo de Vide, passando por Portalegre. De nada serviu porque apesar disso, e de muito falado, nunca deu até esta vila...

[+ info]
7/12/1913

Um grupo de amadores de Castelo de Vide realiza no teatro desta vila uma récita com o programa seguinte: "D. Beltrão de Figueirôa", de Júlio Dantas, desempenhado por Júlio Almeida, António Raposo Repenicado, João Repenicado, Miguel Soares, João Samarra e Alice Bettencourt. "Inglês e Francês", de Sousa e Vasconcelos, interpretada por António Raposo Repenicado, Alice Bettencourt, Sargento José Cardoso e João Samarra.

[+ info]




Nº de registos : 1311 ( 1001 até 1021 )
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66