Início | Efemérides
Tamanho de letra normal Aumentar o tamanho de letra Diminuir o tamanho de letra
Pesquisa de Efemérides
Pesquisa geral
Dia
Mês
Ano
Ordenar por
 
[limpar dados]


Nº de registos : 1311 ( 321 até 341 )
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66

7/3/1735

Por provisão desta data, é autorizado o Padre António Lopes de Sarzedas a advogar nos auditórios seculares de Castelo de Vide e de Portalegre.


2/7/1735

Por provisão desta data são os moradores de Castelo de Vide obrigados a darem 30$000 réis, do partido, cada ano, a Manuel de Albuquerque pelo trabalho de ensinar gramática na vila

[+ info]
28/7/1735

Por provisão desta data, são os moradores de Castelo de Vide intimados para que o licenciado José Manuel Mendes tenha mais 50$000 réis, como médico do partido da vila.

[+ info]
8/3/1736

É nomeado, por carta régia desta data, para ofício de meirinho do geral da vila de Castelo de Vide, Miguel Caldeira de Castelo Branco.


12/9/1736

O benemérito Miguel Martins Roxo, institui capela na Confraria do Santíssimo, da Igreja de Santa Maria da Devesa, Matriz da Vila, com a obrigação de dar anualmente o dote de 20$000 reis a cada três órfãs pobres.

[+ info]
8/11/1736

Recebe a mercê do ofício de Escrivão dos Panos e Sisas de Castelo de Vide Pedro Carrilho Roxo.


28/9/1737

Morre em Castelo de Vide Ana Teresa Carrilho, mulher de Francisco da Silva e Carvalho, ambos desta vila, deixando instituída uma capela, erecta na Igreja Paroquial de São Tiago Maior. O seu testamento foi nuncupativo, isto é, feito de viva voz.


12/12/1737

Por testamento desta data, lega a nobre Senhora D. Mariana Eugénia de Mendonça Furtado, mulher do Desembargador Lourenço Bernardes, toda a sua fortuna para a edificação e manutenção dum convento para freiras no castelo junto à Ermida da Sª da Alegria, onde jaz em campa rasa.

[+ info]
20/12/1737

Requer carta de Familiar do Santo Ofício António Rodrigues Mousinho de Matos, graduado em Artes pela Universidade de Évora, natural de Castelo de Vide, filho de António Rodrigues Mousinho, Familiar do Santo Ofício, e de Francisca de Sequeira, ambos desta vila, neto paterno de João Rodrigues Mousinho e de Isabel de Matos, também desta vila, e materno de Francisco de Matos, de Portalegre, e de Ana Vivas de Sequeira, de Castelo de Vide.

[+ info]
24/4/1738

São inquiridas as testemunhas para provar limpeza de sangue no processo para ser nomeado Comissário do Santo Ofício o Padre Francisco Gonçalves Teixeira, vigário da Matriz de Castelo de Vide, filho de Francisco Gonçalves Teixeira e de Luísa Carrilho.

[+ info]
26/4/1738

Por provisão desta data, é autorizada D. Francisca Teresa de Assis Teles a nomear serventuários do ofício de meirinho do geral da vila de Castelo de Vide.

[+ info]
12/5/1740

Por provisão desta data, é confirmada a nomeação de Matias Xavier como procurador da Santa Casa da Misericórdia de Castelo de Vide.


29/11/1740

É desta data o alvará que entrega a administração vitalícia das Capelas instituídas na vila pelos Padres Lopes Dias e Gonçalo Fernandes Jerqueiro a Matias Vitorino de Bastos Pimenta.


25/8/1741

Por carta régia desta data, é concedida a António Felix de Matos administração da capela instituída na nossa vila por Luísa Manuel.


16/12/1741

Manuel Falcão Costa é autorizado, por provisão desta data, a sub-rogar certos bens da capela que administrava e fora instituída na vila por Amador Vaz Gil.


23/1/1743

António Félix de Matos é nomeado escrivão judicial desta vila de Castelo de Vide.

[+ info]
25/1/1743

Por carta régia desta data é dado o lugar de feitor e recebedor da alfândega da vila a Elisiário Pires Serrão.

[+ info]
26/3/1743

Por carta régia desta data, é nomeado Francisco Xavier Teixeira Rebelo escrivão das sisas dos direitos reais e armas da vila de Castelo de Vide. 

[+ info]
3/12/1743

É nomeado por carta régia assinada pelo Rei D. João V, Juiz de Fora em Castelo de Vide, Henrique Correia Lobato.

[+ info]
2/3/1747

António José Galvão é autorizado, por provisão passada nesta data, a poder aforar uma propriedade de casas sita no Terreiro de São João desta Vila, de uma capela instituída pelo Padre Francisco Dias Aldonso.

[+ info]




Nº de registos : 1311 ( 321 até 341 )
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66