Apresentação


Ao editarmos este portal, "Fonte da Vila, Castelo de Vide - História e Património" aceitámos a responsabilidade de fixar, no passado e no presente, não só a força magnetizante da paisagem urbana e rural do Concelho, como o seu património material e imaterial, consubstanciando-se o primeiro nas suas edificações (civis, religiosas e militares) e instituições, o segundo nas obras e actividades das suas gentes, entre outras no Teatro, na Música, na Pintura, na Literatura, na Poesia, na Ciência, incluindo as tradições, os seus vestígios e reflexos actuais.

[+ info]


Apresentação


EFEMÉRIDES
24/9/1498
É apresentado ao Juiz ordinário desta vila, Pedro Gonçalves, e publicada à sua porta na Rua de Santa Maria, a carta de sentença de el-rei D. Manuel I para que todos os moradores de Castelo de Vide paguem para o relógio.
24/9/1826
O General Maggessi envia a D. Miguel o Auto de Fidelidade que em Vila Nueva de la Serena, Espanha, os oficiais da Divisão Realista do Alentejo, do seu comando, que se encontrava ali refugiada desde 2 de Agosto, haviam assinado.
[+ info]
24/9/1928
No Teatro Mousinho da Silveira da vila de Castelo de Vide, proferiu uma proveitosa e interessante conferência sobre pomicultura o Prof. Eng. André Navarro, director do Instituto Superior de Agronomia. A dissertação foi atentamente escutada pela numerosa assistência.
[+ info]
24/9/1966
Na Misericórdia da vila, na Rua de Santo Amaro, realizou-se uma noite de fados com Amália Rodrigues. Foi uma memorável festa a favor da Santa Casa, sendo a decoração das salas da autoria de António Ventura Porfírio.
[+ info]