Início | Efemérides
Tamanho de letra normal Aumentar o tamanho de letra Diminuir o tamanho de letra
Pesquisa de Efemérides
Pesquisa geral
Dia
Mês
Ano
Ordenar por
 
[limpar dados]


Nº de registos : 1311 ( 841 até 861 )
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66

3/4/1895

João Severiano Carrilho Belo, quando foi juiz da Confraria das Almas de Castelo de Vide, interessara-se para que a túnica do Senhor dos Passos da Graça, de Lisboa, tradicionalmente oferecida, viesse também para esta vila, o que só aconteceu neste dia.

[+ info]
11/5/1895

Inicia-se a construção do imponente edifício do Asilo do Espírito Santo. Foi autor do projecto o condutor de obras públicas Joaquim Maria Garcês e construtor o empreiteiro António Ribeiro, de Lisboa, que arrematou a obra por 15:999$000 reis.

[+ info]
4/7/1895

Em sua casa, na Rua da Volta do Penedo, em Castelo de Vide, morre José Francisco Pereira, de 77 anos, proprietário, e que exercera o cargo de recebedor nesta vila, viúvo de Maria Fortunata Pereira Farinha e natural de Tondela.

[+ info]
20/7/1895

O Dr. José António Serrano, distinto médico e cientista natural de Castelo de Vide, e que a medicina portuguesa conta entre os seus mais altos valores de todos os tempos, é nomeado Vice-Presidente da Sociedade das Ciências Médicas de Lisboa.

[+ info]
18/9/1895

É nomeado director da Repartição de Estatística do Hospital de São José, de Lisboa, o eminente professor Dr. José António Serrano, natural de Castelo de Vide, que muito se enobrece de lhe haver sido berço.


26/9/1895

É anexado ao Concelho de Castelo de Vide o vizinho Concelho de Marvão que fora extinto. Pouco durou a anexação, que terminou em 13 de Janeiro de 1898.

[+ info]
1/10/1895

A Câmara Municipal de Castelo de Vide regozija-se pelo Concelho ter sido classificado de 2ª Ordem, e a ele haver sido anexado o de Marvão.


11/12/1895

O grande protector e devotado à causa dos cegos em Portugal, Prof. Branco Rodrigues, visita Castelo de Vide e principalmente o Asilo de Nossa Senhora da Esperança, para apreciar a maneira como eram protegidos e educados os cegos nessa instituição, fundada em 1863 pelo benemérito castelovidense Dr. João Diogo Juzarte Sequeira Sameiro, instituição cujo funcionamento ao tempo representava um assinalável progresso naquele tipo de assistência e educação especial.


12/12/1895

Foi nomeado lente proprietário da Secção de Cirurgia da Escola Médico Cirúrgica de Lisboa o Dr. José António Serrano.


13/12/1895

Surge nesta data a iniciativa das Oficinas do Asilo de Cegos de Nossa Senhora da Esperança de Castelo de Vide. A Direcção ofereceu um jantar ao Professor Branco Rodrigues, que visitava a Instituição, durante o qual sugeriu a criação das oficinas para os cegos.

[+ info]
16/12/1895

Fundam-se as oficinas de trabalhos manuais do asilo para cegos de Nossa Senhora da Esperança, de Castelo de Vide, instituído pelo benemérito Dr. Sequeira Sameiro, denominadas “Oficinas Branco Rodrigues”.

[+ info]
22/12/1895

Lisboa recebe a primeira canastra fabricada nas Oficinas do Asilo de Cegos de Nossa Senhora da Esperança de Castelo de Vide.

[+ info]
29/1/1896

Na sua casa em Alpalhão morre neste dia, uma quarta-feira, José Xavier Abelho. Filho de Francisco Xavier Abelho e de Maria do Carmo Melchiades Alves, era irmão de Miguel e de António Xavier Abelho, cunhados do Dr. José Frederico Laranjo.

[+ info]
6/2/1896

Faz-se a inauguração solene das Oficinas do Asilo de Cegos de Nossa Senhora da Esperança, na vila de Castelo de Vide, instituído por João Diogo Juzarte de Sequeira Sameiro, no ano de 1863.

[+ info]
1/3/1896

Em Coimbra, de onde era natural, faleceu o ilustre jurista António Maria do Couto Monteiro. Advogado e magistrado distintíssimo, foi Juiz em Torres Vedras e mais tarde ajudante do Procurador-geral da Coroa junto do Ministério do Reino.

[+ info]
3/3/1896

O Eng.º Fernando Perez Durão, filho de Pedro Alexandre Durão e de Adelaide Perez Durão nasceu nesta data em Lisboa, onde faleceu a 3 de Março de 1973. Foi autor de uma vasta colecção de efemérides da vida local, importante base para esta rubrica.

[+ info]
5/4/1896

É inaugurado nesta data, Domingo de Pascoela, o teatro D. Luís Filipe, com a opereta "Moleiro d'Alcalá". Situava-se esta casa de espectáculo onde se encontra hoje o Cine-Teatro Mousinho da Silveira. Foi um facto importante na vida local.

[+ info]
5/4/1896

Em reunião realizada nesta data a Direcção do Asilo do Espírito Santo de Castelo de Vide resolve que a eleição da direcção desta instituição passe a ser feita na sessão que a Santa Casa da Misericórdia realiza para a eleição dos seus órgãos sociais.

[+ info]
10/5/1896

Pelas duas horas da madrugada arde o Teatro D. Luís Filipe em Castelo de Vide. Recentemente inaugurado (Abril passado), fora construído pelo empreiteiro das obras de edificação do Asilo do Espírito Santo. Este Teatro não era o primeiro que existia na vila.

[+ info]
8/9/1896

Realizou-se a tradicional romaria a N.ª S.ª dos Prazeres. Foi festeiro neste ano João Repenicado que desde a véspera tinha exposta numa das janelas da sua casa a respectiva bandeira. Viam-se colchas em muitas das janelas do Largo da Fonte da Vila.

[+ info]




Nº de registos : 1311 ( 841 até 861 )
1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15 | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 | 57 | 58 | 59 | 60 | 61 | 62 | 63 | 64 | 65 | 66